A aprendizagem prática e tecnológica de crianças e adolescentes é fundamental para a formação de futuros talentos. Foi pensando nesses novos caminhos que a Satc desenvolveu o projeto da robótica educacional para turmas do 5º ao 9º ano do ensino fundamental das escolas municipais de Criciúma. A parceria entre a Prefeitura, Satc, Senai e Abadeus irá contemplar mais de 1.700 alunos, que terão suas aulas em ambientes que despertam a criatividade e ludicidade.

A aula inaugural do projeto ocorreu nesta sexta-feira, dia 06, na Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) José Cesário com a primeira turma participando das atividades.

O crescimento educacional e o acesso à diferentes formas de conhecimento estão entre os propósitos que a Satc procura entregar aos alunos e à comunidade. “Para conseguirmos uma formação completa de jovens talentos no município, precisamos trazer tecnologia para as salas de aula. Estamos muito orgulhosos de poder coordenar esse trabalho junto com o Senai e a Abadeus. Isso mostra que a Satc está aí para ajudar a sociedade de Criciúma”, pontuou o diretor executivo da Satc, Fernando Luiz Zancan.

Para o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, a iniciativa mostra que a educação está vivendo um novo momento. “É com projetos como esse que vamos entregar aos nossos alunos uma educação de qualidade e eles irão chegar mais preparados para o ensino médio. E por isso, agradecemos aos nossos parceiros por estarem seguindo nessa frente com a gente”, destacou Salvaro.

Os estudantes terão aula com nove professores do Colégio Satc no contraturno escolar, onde poderão vivenciar novas aprendizagens e desenvolverem o lado empreendedor. “Queremos transmitir o que a nossa instituição tem a ensinar e poder gerar novas experiências a todos os alunos”, enfatizou diretor financeiro da Satc, Mário Zanuz.

As salas makers estão equipadas com computadores, impressoras 3D e kits Arduínos para a temática dos encontros. “É um sonho que conseguimos construir junto com os nossos parceiros. A Secretaria de Educação só tem a agradecer a Satc, Senai e Abadeus por este trabalho. As aulas de robótica serão uma oportunidade de futuro para os nossos estudantes”, afirmou o secretário municipal de Educação, Miri Dagostim.

Assessoria de Imprensa da Satc (www.satc.edu.br)