12049674_984046778323138_5886495656193286018_nPreocupados com os escorregamentos constantes de terras e pedras às margens da rodovia SC-390 devido às chuvas, a Prefeitura de Orleans, realizou uma reunião com órgãos de segurança para encontrar uma solução sobre os riscos de acidentes no local. A rodovia liga os municípios de Orleans e Pedras Grandes, e recebe um grande fluxo de veículos diariamente.

O encontro ocorreu nesta sexta-feira, dia 23, no gabinete do Prefeito Marco Antonio Bertoncini Cascaes, e, contou com a presença do Coordenador de Governo, Valmir Felisbino, Secretário de Infraestrutura, Udir Luiz Pavei, Engenheiro Civil, Edesio Berger, o Presidente da Comissão SC-390, Antônio Dias André, representantes do Corpo de Bombeiros e Polícia Militar, e do Coordenador Regional da Defesa Civil, Rosinei da Silveira.

Segundo o coordenador da Defesa Civil, o perigo de desmoronamento é ainda maior para os próximos dias, tendo em vista, a permanência de dias chuvosos e as condições que os barrancos se encontram. “Está muito perigoso transitar pela rodovia. Em dois pontos, um na entrada de Orleans e outro próximo a entrada em Pindotiba, são preocupantes. Foram feitos análises com um geólogo e constatou-se rachaduras em pontos mais altos. Os barrancos podem cair a qualquer momento”, aponta Rosinei, acrescentando que a rodovia está interditada oficialmente pelo Departamento Estadual de Infraestrutura – Deinfra.

Por determinação da Defesa Civil, a rodovia ficará interditada a partir da próxima segunda-feira, dia 26. “Temos que evitar que o pior aconteça. Nossa orientação é que os motoristas utilizem a margem direita, que está em boas condições de tráfego. A SC-390 é de responsabilidade do Deinfra, e a Prefeitura está aflita com esta situação”, declarou o prefeito Marco.
Ainda, a Prefeitura emitiu um ofício ao Ministério Público de Orleans informando a interdição e solicitando a tomada de providências.

Ascom/Prefeitura de Orleans