Renato Gaúcho, um dos técnicos cotados para assumir o Criciúma após a saída de Paulo Comelli, negou qualquer contato do clube, mas admitiu interesse. O nome do ex-treinador de Atlético -PR, Grêmio, Bahia e Fluminense era um dos comentados nos corredores do Heriberto Hülse. Toninho Cecílio é outro que pode chegar ao Tigre.

Contatado pela redação do Diário Catarinense, Renato Gaúcho disse que estava em reunião e que não sabia de nada sobre qualquer situação do Criciúma.

— Não, não estou sabendo de nada. Ninguém me procurou.

Porém, o treinador disse que teria interesse em treinar o Tigre.

— Interesse sempre temos, mas há vários detalhes para se pensar nisso. Mas em primeiro lugar, eu não fui procurado.

Além do treinador Paulo Comelli, a direção do Tigre também demitiu o superintendente de Futebol, Rodrigo Pastana. O preparado de goleiro, Ubiratan Melo, confirmou na manhã desta segunda que continua no clube.

DIÁRIO CATARINENSE