Foto: Eduardo Correia / Comunicação Secretaria de Estado da Saúde
Foto: Eduardo Correia / Comunicação Secretaria de Estado da Saúde

O prefeito de Criciúma, Márcio Búrigo, foi a Florianópolis nesta terça-feira (20) para tratar principalmente de assuntos relacionados à saúde. Em reunião com o secretário de Estado da Saúde, João Paulo Kleinübing, Márcio apresentou a dívida atual do Governo Estadual com o Hospital São José, que ultrapassa os R$ 6,8 milhões, e conseguiu o empenho imediato de R$ 3 milhões.

“Mostrei os dados ao secretário, expliquei a situação, fiz o apelo e ele empenhou R$ 3 milhões para o Hospital São José. Nos próximos dias o recurso deve cair na conta do hospital”, afirma o prefeito. “Sobre o restante da dívida o secretário declarou que fará uma avaliação interna sobre os números para definir se concorda com os valores apresentados. Sabemos que ainda não é a solução completa do problema, mas fico contente com o resultado positivo já obtido nesta visita”, complementa Márcio.

O Hospital Materno-Infantil Santa Catarina – HMISC também foi pauta do encontro. Hoje, a Prefeitura de Criciúma banca 100% do hospital que atende crianças de toda a região e também de outras cidades do estado.

“Sobre o Hospital Santa Catarina o secretário deixou claro que até o fim deste ano não existe a possibilidade de algum convênio entre Prefeitura e Governo do Estado, mas também não fechou as portas da Secretaria. No próximo ano vamos voltar a conversar sobre o assunto”, declara Márcio. “Estamos em um momento delicado no país, a crise econômica afeta a todos e assim também é na iniciativa pública. O Governo do Estado não pode nos ajudar agora com o HMISC muito por causa da crise e, da mesma forma, a Administração Municipal passa dificuldades para manter sozinha um hospital que atenda crianças de toda a região. Ainda assim, vamos seguir com o atendimento normal, pois a saúde continuará sendo a prioridade. Todos sabem da situação econômica ruim, mas sabemos também quantas famílias precisam do hospital e elas não terão o atendimento negado”, relata o prefeito.

Márcio Búrigo ainda cumpriu agenda em outras entidades e visitou gabinetes de deputados para solicitar benefícios para a cidade.

Colaboração: Bruna Borges / Comunicação Prefeitura de Criciúma