Foto:Cristina Mina/Divulgação
Foto:Cristina Mina/Divulgação

O tempo fechado não espantou uma multidão de pessoas que foram neste fim de semana visitar a estátua de Nossa Senhora Aparecida, em Treze de Maio. A imagem de 13 metros de altura, erguida no alto da comunidade de São João de Urussanga Baixa, neste ano, conforme a Polícia Militar do município recebeu mais de 20 mil pessoas.

O maior movimento de fiéis foi ontem, dia da padroeira. Por volta das 7 horas chegaram os primeiros visitantes, em seguida comerciantes ambulantes se aproximavam com barracas e iniciavam vendas de diversos produtos. Trabalho que continuou durante toda a manhã com os preparativos para o almoço tradicional oferecido com churrasco assado em um barracão montado ao lado da igreja.

Durante o dia todo não faltaram orações, velas acesas em frente às cruzes dispostas no trajeto e pessoas que preferiram subir à trilha de concreto ajoelhada, como pagamento de promessas ou por graças alcançadas. Demonstrações de fé eram visíveis do início do morro até a chegada aos pés da santa.

O santuário foi erguido no alto da colina em nome de Maria Cechinel Niero, moradora local, que morreu em 1969 e tinha um sonho de construir no terreno da família uma gruta de oração. Meses depois a família, com auxílio de um carro de tração animal, levou pedras até o topo do morro e fizeram uma pequena gruta no local, onde hoje está a imagem.

Anos mais tarde, um neto de Maria construiu a atual estátua. Moradores da região se uniram em buscas de investimentos para as obras e em 10 de outubro de 1999, a santa foi inaugurada.

Jornal Notisul