Foto: Internet
Foto: Internet

A Fundação do Meio Ambiente (Fatma) emitiu nesta sexta-feira, dia 11, mais 31 licenças para antenas de telefonia móvel no estado. Dessas, 12 permitem a implantação das torres e as demais liberam a operação. A fundação tem agilizado os processos com o objetivo de ampliar a cobertura de telefonia e internet. Uma destas licenças foi emitida para o bairro Operária Nova, de Criciúma.

Desde o início do ano, a Fatma emitiu mais de 330 licenças para telefonia móvel. A instalação de novas torres em Santa Catarina faz parte de termo de compromisso firmado pelas empresas junto à CPI da telefonia da Assembleia Legislativa, realizada em 2014. “Estamos fazendo a nossa parte em agilizar as licenças, sempre com responsabilidade. Nossa meta é chegar até o final do ano com a emissão de 400 documentos, mas, neste ritmo de trabalho, devemos superar esse número”, afirma o presidente da Fatma, Alexandre Waltrick.

As torres são para diversas operadoras, e a Fatma é responsável apenas pela análise dos processos ambientais e pela liberação ou não das licenças. A localização das antenas também cabe às operadoras.

A seguir a lista das licenças emitidas:

LAP – Licença Ambiental Prévia permite a implantação das torres
Balneário Camboriú – Barra
Criciúma – Operária Nova
Florianópolis – Ponta das Canas
Itajaí – Dom Bosco
Criciúma – Santo Antônio
Balneário Arroio do Silva – Centro
Camboriú – Linha Serro
Ilhota – Braço do Baú
São João Batista – Rio do Braço
Corupá – Seminário
Laguna – Portinho
Balneário Camboriú – Jardim Nações

LAO – Licença Ambiental de Operação – permite o início do funcionamento das torres

Barra Velha – Centro
Xavantina – Linha das Palmeiras, Zona Rural
Treviso – Estrada Geral Brasília, Zona Rural
Rio das Antas – Estrada Rio das Antas, KM 14, Fazenda Bahia, Zona Rural
Ipira – Estrada Geral Rio Santo Antônio, Zona Rural
Rio Fortuna – Estrada Geral Rio Otília, Zona Rural
São Bernardino – Rua Linha São Bernardino
Treze Tílias – Linha Jorge Lacerda
Paraíso – Estrada Paraíso, Linha Farroupilha
Águas de Chapecó – Linha Santa Terezinha
Arabutã – Linha Pelotas, Zona Rural
Ipuaçu – Linha Lageado Grande, Sítio Santo Antônio
Vargem Bonita – Linha 25 de Maio, Zona Rural
Pinheiro Preto – Sítio Laura, Zona Rural
Luzerna – Estrada Linha Leãozinho
Joaçaba – Rod. BR 282, KM 403, Zona Rural
Iraceminha – Distrito São José do Laranjal
Jaborá – Linha Boa Vista, Zona Rural
Rodeio – Rua Professor Enesto Pezzini

Texto: Claudia De Conto/ Assessoria de Comunicação / Fundação do Meio Ambiente (Fatma)