Prontos para ir a uma festa de música eletrônica no sábado à tarde, dois jovens, de 18 e 21 anos, acabaram indo direto para as celas da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Tubarão. Com eles foram apreendidos comprimidos de ecstasy e pontos de LSD.

Ao investigar o tráfico de drogas sintéticas em Tubarão, os agentes da DIC descobriram que os dois rapazes poderiam vender entorpecentes em uma festa no sábado. “Com isso, montamos uma operação e ficamos de campana nas proximidades das casas dos suspeitos, na comunidade da Madre. Assim que eles saíram, por volta das 15h, começamos a segui-los”, comenta um policial.

Segundo o Jornal Diário do Sul, assim que a dupla parou em uma casa, no mesmo bairro, a polícia se apresentou. O mais jovem, de 18 anos, tentou fugir a pé por um matagal, mas não conseguiu escapar. No caminho, ele deixou um frasco com 10 comprimidos de ecstasy. No carro, foram apreendidos diversos objetos e, dentro de um celular, havia 12 micropontos de LSD.

Os dois jovens foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico, sendo encaminhados, posteriormente, para o Presídio Regional de Tubarão.
As investigações foram coordenadas pelos delegados André Luís Mendes da Silveira e Rubem Antônio Teston da Silva.