Uma briga de família terminou com um jovem de 22 anos assassinado na noite de sábado, em Tubarão. Este foi o primeiro homicídio do ano registrado no município e o 19° da região da Amurel. O número é bem menor do que no primeiro semestre de 2012, quando seis pessoas foram mortas na cidade.

Gideon dos Passos Oliveira Júnior foi morto a tiros. O acusado de cometer o crime é o namorado da própria mãe da vítima. “Foi uma briga de família e que não teria ocorrido pela primeira vez. Nesta discussão, o padrasto pegou uma arma e efetuou três tiros, tirando a vida do enteado”, explica um policial.
O crime ocorreu na casa da família, no bairro Congonhas. A Polícia Militar foi acionada por volta das 18h. “Quando chegamos no local, os moradores da comunidade já tinham imobilizado o acusado, de 45 anos, e retirado a arma dele, um revólver calibre 22. Fizemos a prisão e o entregamos na Central de Plantão Policial (CPP)”, afirma o policial militar.
Gideon chegou a ser socorrido com vida e foi encaminhado para o Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), mas não resistiu aos ferimentos e faleceu por volta das 19h30. O corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Tubarão.