W3.CSS

Com início do inverno, é cada vez mais comum nessa época do ano a incidência de neblina nas rodovias, principalmente durante a madrugada e nas primeiras horas da manhã.
O nevoeiro é formado pela suspensão de gotículas de água em camada de ar próxima ao solo. O fenômeno é mais comum em locais frios, úmidos, elevados ou em planícies, como as do Vale do Araranguá. Durante o dia, o calor evapora a água, acumulando perto da superfície. As massas de ar levam o vapor para as camadas mais altas da atmosfera. Quando anoitece, ou quando a região é atingida por uma frente fria, a temperatura cai, o vapor de água se resfria e condensa, ocasionando a neblina.
Por isso, a CCR ViaCosteira em parceria com a ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) e a PRF ( Polícia Rodoviária Federal ) alerta aos motoristas sobre cuidados importantes ao trafegar na rodovia em trechos com ocorrência do fenômeno climático.

Ao entrar em um nevoeiro, é fundamental os motoristas sempre trafegar com os faróis acessos, usando a luz baixa. A luz alta dos faróis ofusca a visão dos motoristas que trafegam em sentido contrário. É recomendado o uso da luz de neblina nestas condições. Outra recomendação importante é reduzir a velocidade gradativamente, mantendo distância segura do veículo que segue à frente. A CCR ViaCosteira reforça ainda que práticas como manter a revisão do veículo em dia é fundamental ao se deparar em situações do tipo. Para os veículos que possuem ar-condicionado, o equipamento é muito importante para ajudar a desembaçar os vidros, melhorando a visibilidade e para os que não possuem, o recomendado é não fazer a limpeza usando apenas a mão. Para limpar o para-brisa, use uma flanela. Se o nevoeiro estiver muito denso, procure um local seguro e fora do acostamento para estacionar. Essas são algumas recomendações que contribuem muito para evitar acidentes em casos de neblina.

A Concessionária destaca também a importância dos cuidados nessa época e ressalta que quanto menor a visibilidade menor deve ser a velocidade do veículo, sempre respeitando os limites de velocidade da via. Também é importante lembrar aos usuários que possuem veículos equipados com farol de neblina dianteiro e traseiro que trafeguem com eles ligados, pois contribui na prevenção de colisões em caso de neblina.

Na formação de nevoeiros na BR-101Sul/SC, os pedestres e ciclistas também precisam redobrar os cuidados. Deve-se evitar ao máximo transitar pelos bordos e acostamentos da rodovia, pois a visibilidade prejudicada pela umidade oferece condições de risco. Aos transportadores de carga é solicitado o uso obrigatório de faixas refletivas fixadas na carroceria ou carreta. O uso é indispensável para garantir a segurança nas estradas, principalmente durante a noite, dias chuvosos e em nevoeiros.

Para mais informações, o usuário tem disponíveis o site www.ccrviacosteira.com.br, o aplicativo CCR Rodovias Sul, disponível para iOS e Android, o número do Disque CCR ViaCosteira que também atende ligação de celular a cobrar 0800 255 55 50 e o WhatsApp onde o cliente deve salvar o número (48) 3211-3130 na agenda de contatos.

Fonte Assessoria de Comunicação da CCR ViaCosteira