Com o objetivo de incentivar a conscientização sobre o câncer de mama, a Feira da Agricultura Familiar terá sua edição especial no próximo sábado, dia 9, em alusão ao Outubro Rosa. A programação contará com a participação da Associação Amigas do Peito, que realiza um trabalho social em Cocal do Sul. A feira acontecerá ao lado do paço municipal, das 8h às 15h.

Durante a manhã, o grupo estará vendendo paella, no valor de R$ 20,00 o prato e as pessoas também terão a opção de levar o almoço para casa se assim preferirem. Além disso, a Associação Amigas do Peito também venderá camisetas e máscaras, nos valores de R$ 35,00 e R$ 8,00 respectivamente. As integrantes do grupo também estarão orientando e tirando dúvidas em relação ao câncer de mama.

Os ingressos podem ser adquiridos com a Associação Amigas do Peito, na Prefeitura Municipal, Jornal Cocal, Consoni Materiais de Construção e Zélia Cabeleireira, além dos produtos que também estão disponíveis.

Todo o lucro arrecadado será destinado à entidade, que presta assistência a pessoas portadoras de quaisquer tipos de câncer. A associação de direito privado, de caráter organizacional beneficente e filantrópico nasceu em 2015 e desde então reúne pacientes de câncer para trocarem experiências quanto ao tratamento.

Conheça o trabalho da Associação Amigas do Peito

Atualmente, a sede do grupo funciona junto ao Centro de Referência Especializada de Assistência Social (CREAS) de Cocal do Sul, coordenado pela presidente Teresa Locatelli e pela vice-presidente Fátima Cologni. “As Amigas do Preito vêm desenvolvendo ações de apoio às acometidas pela doença, sendo a maioria do grupo formada por mulheres que desenvolveram o câncer de mama, tendo ainda casos de câncer de cabeça, intestino, útero, pele, fígado e faringe”, explica Teresa.

Além da troca de experiências e assistência às pessoas portadoras de câncer, o grupo também realiza diversas ações, tendo como principal o Outubro Rosa. As Amigas ainda organizam subsídios que possam auxiliar no tratamento, como grupo de reabilitação oncológica, cirurgias, exames, consultas, medicamentos, assistência psicológica, nutricional e judicial.

Conforme a presidente do grupo, todos os serviços são realizados de forma gratuita, sem qualquer tipo de cobrança de mensalidade. “As Amigas do Peito de Cocal do Sul querem promover o bem-estar de todos, destacando que muitas das integrantes passaram pelo árduo tratamento e hoje têm uma vida normal, com vitalidade e prazer e que vêm servindo de espelho para aquelas que estão passando pelas dificuldades do tratamento”, ressalta Teresa.

Ascom/Prefeitura de Cocal do Sul