O Coordenador diocesano da Diocese de Tubarão, Padre Lino Brunel, divulgou no dia 12 de junho uma carta para as famílias falando sobre o X Encontro Mundial das Famílias, que acontece de 22 a 26 de junho em Roma, Itália,  com o Papa Francisco, e, ao mesmo tempo, nas dioceses do mundo inteiro.

“Querida Família

Com alegria e gratidão dirigimo-nos a você para lhe saudar e dizer-lhe uma palavra de confiança.

Inicialmente, anunciamos o X Encontro Mundial das Famílias, nos próximos dias 22 a 26 (junho 2022). O Encontro será em Roma, com o Papa Francisco, e, ao mesmo tempo, nas dioceses do mundo inteiro. Em Roma, o papa vai se encontrar com duas mil pessoas representantes de 120 países, em torno do tema “O amor em família: vocação e caminho de santidade”. Parte deste encontro será transmitido pelas TVs de inspiração católica, e todos terão a oportunidade de acompanhá-lo, como a Missa na Praça de São Pedro, no sábado, dia 25, às 17h00 (horário de Roma), e a Oração do Ângelus, no domingo, quando o Papa fará o encerramento do Ano da Família Amoris Laetitia (Alegria do amor).

No Brasil, uma Missa será celebrada, na Abertura do Encontro, dia 22, às 18 horas, no Santuário da Mãe Aparecida. Esta missa será transmitida pela TV Aparecida e retransmitida por outras emissoras católicas.

Sintonizados com o Papa e com o Encontro Mundial das Famílias, convidamos a rezar a Deus, em sua paróquia e comunidade, especialmente nas celebrações do domingo que antecede o Encontro, dia 19, e no domingo do encerramento, dia 26. Convidamos também a acompanhar, pelo Facebook da diocese de Tubarão e das paróquias, uma live com o tema “O amor em família: vocação e caminho de santidade”, dia 21 (terça-feira), às 19h30. A reflexão será feita pelo casal Ronaldo e Tatiana, do Rio de Janeiro.

Feito este anúncio e este convite, queremos falar da beleza da família. Especialmente da beleza da sua família, mesmo que ela não seja perfeita. De fato, a beleza da família não está em ser perfeita como Deus, mas em fazer todo esforço para ir vencendo as fragilidades que se apresentam na caminhada. A beleza da família não está na ausência de quedas e de lágrimas, mas na aceitação de ajuda e na disposição em levantar-se e seguir adiante depois de cada queda. A beleza da família não se reduz aos momentos felizes, mas está nas relações de ternura, no exercício da paciência e da mútua compreensão, no relacionamento respeitoso entre pais, filhos, avós…, na cura das feridas pela oferta verdadeira do perdão, e na paz que se irradia a cada gesto de amor.

A família é, por isso, uma escola de enriquecimento humano. Pelos pequenos gestos do dia a dia, mais que por palavras, a família é ambiente de convivência, é oficina de trabalho livre, é altar onde cada um se coloca diante de Deus para ouvir seus ensinamentos, para renovar o seu sim, e para dirigir-lhe suas orações. É pelo amor vivido e compartilhado no lar que se aprende a amar as outras pessoas e a amar a Deus.

Sua casa poderá ser o espaço do mundo mais seguro e mais belo. E sua família, a preciosidade maior. Sobre a sua família invocamos a proteção de Deus e rogamos que a abençoe hoje e sempre.

Com especial carinho”.

Pe. Lino Brunel
Administrador Diocesano