Com o intuito de reduzir gastos e danos ao meio ambiente, a deputada Ada Faraco De Luca está propondo o Projeto de Lei que visa a instalação de painéis fotovoltaicos nos hospitais públicos de Santa Catarina. Atualmente é um desafio assegurar a sustentabilidade dos recursos explorados no Brasil. A utilização das fontes renováveis de energia, nesse caso a energia fotovoltaica, permite maior diversificação na matriz energética. De acordo com dados da Eletrobrás (2000 apud Marinoski, 2004, p. 1), as reservas de combustíveis fósseis de boa qualidade no Brasil não são grandes. Há o alerta que as reservas brasileiras de petróleo sejam suficientes para 22 anos e somente 23% do potencial hidrelétrico é aproveitado, tendo sua maior capacidade na região Amazônica.

É importante observar que a energia solar fotovoltaica torna-se uma ótima alternativa, por ser uma fonte de energia limpa, gerando menores danos ao meio ambiente. Como exemplo de investimento e economia, podemos destacar o Hospital Ana Nery (HAN), em Santa Cruz do Sul (RS) onde no ano passado anunciou a implantação do sistema da maior usina de geração de energia solar em estrutura hospitalar do país e uma das maiores microusinas fotovoltaicas do Rio Grande do Sul. O projeto está tramitando na Assembleia Legislativa e a estimativa é que seja votado no próximo semestre.

Cláudia Búrigo de Menezes/Ascom/Deputada Estadual Ada Faraco De Luca