Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Os criminosos especializados em ataques a caixas eletrônicos voltam a agir na região. Desta vez o alvo dos “caixeiros” foi uma máquina do Itaú em uma indústria cerâmica localizada na Rodovia Luiz Rosso, Bairro Quarta Linha, em Criciúma na madrugada deste domingo (04). Segundo matéria do site Clicatribuna, o porteiro da empresa relatou aos militares que cinco homens armados, com roupas semelhantes a dos funcionários, o renderam, foram em direção à sala onde fica o caixa eletrônico e com artefato explosivos, tentaram arrombar a máquina. Mas o plano não deu certo e apenas danificou a parte frontal da máquina. Nenhum dinheiro foi levado pelos criminosos.

No final da tarde, quando seguranças de uma empresa de transporte de valores foram averiguar o caixa, junto com a Polícia Militar, foi constatado que no local havia um resquício de artefatos explosivos. O esquadrão anti-bomba do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) de Florianópolis foi acionado para fazer a remoção, que foi realizada ainda na noite deste domingo. O explosivo foi removido sem maiores problemas e encaminhado à capital catarinense.

Em menos de uma semana, esta é a segunda vez que caixas eletrônicos são alvo de criminosos. Na madrugada da última quinta feira (01), um caixa eletrônico do SICOOB foi explodido por três criminosos no centro de Siderópolis. Na ocasião, o artefato explodiu e foram levados cerca de R$10 mil. Ninguém foi detido. O caso ocorrido nesta madrugada em Criciúma está sob investigação da Polícia Civil.