A secretaria de Saúde de Braço do Norte liberou 1.356 exames, sendo 28 procedimentos de média e alta complexidade que estavam represados por conta da pandemia de covid-19. De acordo com o prefeito Beto Kuerten Marcelino, o investimento será pouco mais de R$ 170 mil e pretende zerar a fila de espera.

“Infelizmente, não conseguimos liberar estes exames de novembro do ano passado até agora por causa da pandemia. Com este pacote, nossa intenção é zerar a fila. É como se fosse uma edição extra do nosso programa A Fila Anda, realizado em 2017 e 2018, que acabou com a espera de centenas de braçonortenses”, explica.

Conforme o secretário da Saúde, Sérgio Fernando Domingos Arent, as pessoas que estão à espera dos procedimentos podem ficar tranquilas, pois a secretaria de Saúde vai entrar em contato para o agendamento. “Nossa equipe da Central de Regulação Municipal já está organizada para chamar, nos próximos dias, todos aqueles que farão os exames”, completa Sérgio.

Os procedimentos contemplados são angiotomografia, tomografias, contraste de tomografias, holter, eletrocardiograma, consulta em cardiologia, ultrassonografias, ultrassonografias morfológicas, ultrassonografias obstétricas com doppler, ecocardiograma cardíaco, teste ergométrico, eco doppler venoso, colonoscopia, endoscopia, ressonância magnética, angioressonância cerebral, biopsia de próstata, biópsia de tireoide, capsulotomia a yang laser, densitometria, eletroneuromiografia, eletroencefalograma pediátrico, espirometria, estudo urodinâmico, polissonografia, polissonografia com CPAP, retinografia colorida binocular e eco doppler de carótidas.