Os motoristas que trafegarem na BR-101 neste feriado prolongado de Corpus Christi deverão redobrar a atenção. O Departamento Nacional de Infraestrutura em Transportes (Dnit) instala, desde a semana passada, dez radares fixos entre Paulo Lopes e Passo de Torres.
A previsão é de que todos os novos equipamentos entrem em operação na segunda quinzena do próximo mês, mas alguns já estão em funcionamento. Além disso, barreiras eletrônicas também são colocadas em oito pontos da rodovia, nas vias laterais.

É o caso de Pescaria Brava, com uma no sentido norte, e duas em Criciúma, em ambos os lados da rodovia. Quanto aos radares fixos, no sentido sul, os municípios contemplados são Jaguaruna, Santa Rosa do Sul e São João do Sul.
Na pista inversa, Içara, Criciúma, Sangão e também Jaguaruna ganham os equipamentos. Estes dois últimos municípios agora contam com dois radares fixos em cada, nos dois sentidos. O mesmo ocorre em Paulo Lopes.
“Não há dúvidas de que esta ampliação, tanto nas pistas duplicadas, como nas vias laterais, reduzirá significativamente as chances de acidentes. Os radares inibem muito o excesso de velocidade praticado pelos motoristas”, prevê o chefe da delegacia da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Tubarão, Ewaldo Stelzenberger.

Cidades que já possuem radares
Tubarão, Sangão, Paulo Lopes e Imbituba já têm um dispositivo fixo em operação, no sentido sul, em cada cidade.

Projeção é de 30% de aumento no fluxo

Desde a zero hora desta quarta-feira, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Santa Catarina realiza a Operação Corpus Christi. A ação ocorrerá até a meia-noite de domingo.
A finalidade é prevenir acidentes e garantir a fluidez no trânsito. Para isso, no trecho de abrangência de PRF de Tubarão, entre Paulo Lopes e Passo de Torres, o efetivo de policiais ganhará um reforço de 40%.
A previsão é de um aumento de 30% no fluxo de veículos nesta quarta e quinta-feira. Já no domingo, a projeção é de 50%, quando quase todos retornam.

“Vamos priorizar os locais próximos às regiões com maior formação de filas em função das obras, onde ocorrem afunilamentos de pista duplicada para simples”, declara o chefe da delegacia da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Tubarão, Ewaldo Stelzenberger. Estes lugares são em Pescaria Brava, Laguna, Araranguá e Sombrio.
Conforme ele, os radares móveis são os aliados nesta ação, que objetiva fiscalizar a velocidade e evitar as colisões traseiras. Todos que forem abordados, principalmente os que se envolverem em acidentes, passarão pelo teste do bafômetro. “O motorista que se negar a esta condição será notificado”, avisa Stelzenberger.

Colaboração: Muriel Albonico – Esga-Dnit