Amanhã deve ser publicado, pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o comunicado sobre a revisão extraordinária das permissionárias, que vai definir a decisão sobre todos os ajustes econômicos e financeiros e acertos jurídicos do processo de revisão tarifária das cooperativas de energia elétrica. A expectativa era de que o anúncio fosse feito no último dia 15, o que não se confirmou.

Enquanto a decisão não sai, algumas cooperativas não estão podendo repassar aos seus consumidores os descontos tarifários previstos. Para o presidente da Cooperativa de Eletricidade de Gravatal, João Vânio Mendonça Cardoso, resta agora aguardar a decisão final da Aneel para esta quarta-feira e esperar pela publicação no Diário Oficial para se ter uma posição oficial sobre os percentuais dos descontos tarifários a serem concedidos aos consumidores de energia elétrica. Até lá, segundo ele, não há o que fazer.
Com a decisão sendo anunciada amanhã, os percentuais de desconto de energia elétrica de cada cooperativa deverão ser divulgados no Diário Oficial da União até o dia 3 de abril. O que está sendo analisado juridicamente é a retroatividade da revisão, bem como os níveis de descontos para cada subgrupo tarifário.
No fim da semana passada aconteceu uma audiência com o relator da revisão, André Pepitone, com o superintendente Davi Antunes, ambos da Aneel, representantes da Fecoeresp, Fecoerusc, Fecoergs e OCB, mas a informação do adiamento deixou as cooperativas frustradas.